Zakhárova entra para lista de mulheres influentes em 2016

22 de novembro de 2016 ITAR-TASS
Estilo “combativo” de porta-voz da chancelaria russa foi elogiado pela BBC. Destaque nas Olimpíadas, jogadora Marta foi a única brasileira inserida na relação.
Maria Zakharova
Zakhárova é primeira mulher a ocupar cargo na chancelaria russa Foto:Getty Images

A porta-voz do Ministério das Negócios Estrangeiros russo, Maria Zakhárova, foi incluída na lista do jornal britânico BBC com as 100 mulheres mais influentes do ano.

Zakhárova, que aparece na seção Política, é descrita como “a primeira mulher na história do departamento a ocupar o cargo (...) com seu estilo combativo e pitoresco”.

Além da russa, outras quatro mulheres figuram na categoria: Aline Mukovi Neema, ativista do Congo; Denise Ho, cantora e ativista pró-democracia de Hong Kong; Karima Baloch, ativista política do Paquistão; e a política francesa Rachida Dati.

A lista da BBC, com base em “mulheres inspiradoras e influentes no ano de 2016”, também apresenta seções de artes, negócios, saúde, direitos humanos, jornalismo, religião, tecnologia e esportes.

Outra personalidade russa inserida na lista é Iúlia Stepanova, que, juntamente com o ex-oficial antidoping, Vitáli Stepanov, esteve no centro de um documentário alemão que denunciou o uso sistemático de substâncias ilícitas por atletas russos.

A investigação, posteriormente iniciada pela Agência Mundial Antidoping (Wada), resultou na desqualificação da Federação de Atletismo da Rússia e na exclusão dos atletas russos dos Jogos Olímpicos de 2016, no Rio.

A única brasileira na lista da BCC é a jogadora Marta, “considerada por muitos como a melhor futebolista do sexo feminino de todos os tempos”.

Com a agência de notícias Tass

Gostaria de receber as principais notícias sobre a Rússia em seu e-mail?
Clique aqui para assinar nossa newsletter.

+
Curta a "Gazeta Russa" no Facebook