Габар Khokhloma Metro_360_pic Shocopryaniki_pic abortions Biathlon 1000_t-34_auto.jpg Pirozhki_pic1 600400gravedad
Khokhlomá e as origens do artesanato russo

Blogueiro russo é enterrado vivo por 24 horas; veja vídeo

Jovem transmitiu ao vivo impressões a sete palmos abaixo da terra. Ideia, segundo ela, era “testar seus limites”.
De Kira Pievskaia, Anna Sorôkina, Gazeta Russa

Perto da região de Moscou, na cidade de Kubinka, o blogueiro russo Aleksander Gambarov (30), mais conhecido como Gabar, passou 24 horas em um caixão para testar suas capacidades físicas e mentais.

Gabar fez o próprio caixão com tábuas de pinheiro. O ar circulava por dois tubos subterrâneos, que foram também usados para se comunicar com amigos e parentes.

A transmissão da experiência foi feita em tempo real no canal de Gabar no YouTube.

“Eu estava esperando tanto para a tampa ser aberta!”, disse Gambarov ao jornal “Metro”. “Os médicos me aconselharam a levantar devagar, mas eu tinha um plano na cabeça – a tampa se abriria, eu sairia abruptamente do caixão. Mas, assim que fiquei de pé, perdi o equilíbrio, não foi capaz de continuar. Fiquei assim por cinco minutos. Tive uma espécie de perda da noção de gravidade, espaço. Ainda me sinto estranho.”

“Vou ser sincero – quando criança, nunca sonhei em ficar debaixo da terra em um caixão. Mas eu quis me testar, para provar que consigo fazer isso. E agora que eu já fiz, eu digo: nunca mais vou repetir!”, concluiu o jovem.

20 de fevereiro de 2017

leia mais

+
Curta a "Gazeta Russa" no Facebook