Portos russos registram aumento de 7% no tráfego de mercadorias

26 de janeiro de 2017 Nikolai Protsenko, Vzgliad
Melhor infraestrutura, novos navios e a situação nos mercados mundiais asseguraram crescimento no volume de negócios dos portos russos em quase 80% nos últimos 10 anos de mercadorias marítimas continuará a crescer apesar da diminuição da produção do petróleo no país e da redução do comércio exterior.
Porto marítimo de Vladivostok, no Extremo Oriente russo Foto:Vitáli Ankov/RIA Nôvosti

De acordo com dados divulgados pela Associação dos Portos Marítimos da Rússia, em 2016, apesar da queda do comércio exterior, o volume de negócios dos portos marítimos russos cresceu 6,7%. 

A movimentação de carga nos portos marítimos tem crescido constantemente ao longo dos últimos 10 anos. Entre 2006 e 2016, o volume total de negócios aumentou 77,4%. Melhor infraestrutura, novos navios e a conjuntura nos mercados mundiais são as razões para este aumento.

O aumento mais significativo do tráfego de mercadorias foi registado no portos da bacia do Ártico, onde a movimentação cresceu 40,6%, ou seja, para quase 50 milhões de toneladas.

O segundo maior crescimento foi registrado no Extremo Oriente do país, onde o tráfego aumentou em 8,3%. O carvão se tornou o produto mais exportado em 2016.

Em relação ao Brasil, a Rússia, em 2016, aumentou em 21% suas exportações para o país. 

De acordo com o chefe da agência de pesquisa InfraNews, Aleksêi Bezborodov, devido ao aumento das exportações, o tráfego de carga nos portos russos continuará a crescer em 2017. Para ele, o aumento das exportações permite manter a cotação do rublo e excluir a hipótese de sua queda no futuro próximo.

Publicado originalmente pelo jornal Vzgliad

Quer receber as principais notícias sobre a Rússia em seu e-mail? Clique aqui para assinar nossa newsletter.

+
Curta a "Gazeta Russa" no Facebook