Cosmonautas irão cultivar pimentão e trigo no espaço exterior

15 de novembro de 2016 ITAR-TASS
Nova estufa será entregue à Estação Espacial Internacional em dezembro. Entre experimentos está prevista ação conjunta com EUA para testar impactos de voos.
Girassol brotando a bordo da ISS Foto:Nasa

Depois de iniciarem o cultivo de pimentão em uma nova estufa a bordo da Estação Espacial Internacional (ISS, na sigla em inglês), os cosmonautas tentarão desenvolver também culturas de trigo e folhas para salada.

“Uma nova estufa, a Lada-2, será entregue à ISS em dezembro e estamos começando uma nova série de experimentos. O primeiro será altamente difícil porque é a primeira vez que se cultiva pimentões no espaço exterior”, disse o vice-diretor do Instituto de Problemas Médicos e Biológicos, Vladímir Sitchiov.

“Se formos bem-sucedidos, ótimo. Depois do pimentão, iremos provavelmente cultivar trigo e depois folhas para salada”, acrescentou Sitchiov.

Rússia e EUA planejam enviar ratos para ISS

Segundo Sitchiov, há planos de enviar 20 ratos para a ISS no próximo ano como parte de um projeto de experiência conjunto Rússia-EUA. O objetivo é estudar a influência dos fatores de voo espacial na fisiologia dos animais.

“A ideia do experimento é enviar 20 ratos a bordo, eles passarão 30 dias lá e serão trazidos de volta à Terra com vida”, explicou Sitchiov.

O experimento será semelhante à missão de abril de 2013, quando o mesmo número de ratos morreu em uma explosão a bordo da cápsula espacial Bion-M. Este veículo é projetado para condução de pesquisas em biologia espacial, biotecnologia e fisiologia.

Com a agência de notícias Tass

Gostaria de receber as principais notícias sobre a Rússia em seu e-mail?
Clique aqui para assinar nossa newsletter.

+
Curta a "Gazeta Russa" no Facebook