Noite Russa no Festival de Música em Trancoso

9 de março de 2017 Gazeta Russa
18 de março

Trancoso
Bahia, Brasil

 

Orquestra Sinfônica Mozarteum Brasileiro
Coro Acadêmico Yurlov da Rússia
Carlos Moreno, regência
Svetlana Shilova, mezzosoprano
Alexander Kasyanov, barítono
Terem Quartet, balalaicas, bayan

 

Mikhail Glinka (1804 – 1857)
‘Ruslan e Ludmila’
Abertura

 

Nikolai Shishkin (1845 – 1911)
Noch svetla - A noite é clara                                                

 

Canção popular russa
Iz-za ostrova na strezhenDe além da ilha de madeira

                    

Boris Fomin (1900 – 1948)
Dorogoy dlinnonu - O tempo todo no longo caminho                  

 

Matvey Blanter (1903 – 1990)
Chernoglazaya kasachka - Menina cossaca de olhos escuros 

Canção popular russa
Mother river Wolga - Wolga, mãe dos rios

Boris Fomin (1900 – 1948)
Tolka ras - Only Once                                                   

Canção popular russa
Step da step krugom - Estepe em toda a volta

Alexander Obukhov                  
Kalitka - Porta do Jardim

 

Canção popular russa
Vot mchitsya troika pochtovaya - A parelha de 3 cavallos está correndo       

Mikhail Oginsky(1765 – 1833)
Polonaise Oginksy

Canção popular russa
“Metelitsa” - Ao longo da estrada tem um temporal de neve

***

Pjotr I. Tchaikovsky (1840 – 1893)
Sinfonia Nº 4 
4º movimento

Pavel Chesnokov (1877 – 1944)
Da ispravitsa mlitva troja - Deixe minha oração levantar-se

Canção popular russa
Evening bells

Canção popular russa
Ya vstretil vas - Te encontrei

Alexander Borodin
Polovetsian dances - Danças da Polovetsia

Canção popular russa
My sweethart lives in a tower  - Minha namorada mora numa torre

Mikhail Glinka  (1804 – 1857)
Ne iskushay menia bes nuzhdi - Não me tente sem razão

Canção popular russa
The Holy Baikal - O sagrado Baikal

Canção popular russa
Ochi cherniye - Olhos pretos

Canção popular russa
Potpourri de canções populares russas

Matvey Blanter (1903 – 1990)
Katyusha 

 
Mais informações: www.musicaemtrancoso.org.br / telefone: 11 3815.6377

+
Curta a "Gazeta Russa" no Facebook