5 things a foreign traveler misses after a trip to Russia Krutitskoe podvorye Travel Train Golden ring Católica Rio Paga
5 russificidades que todo estrangeiro adora Castelos na Rússia são atrações ignoradas pelos guias

Uma volta pela Idade Média em plena Moscou

Vizinhança medieval da capital esconde tesouro não distante do centro; veja fotos abaixo.
De Elena Lariónova, especial para Gazeta Russa

Foto: Elena LariónovaFoto: Elena Lariónova

Em Krutitskoe Podvorie, uma área antiga de Moscou, é possível sentir como se estivesse em outro tempo e dimensão. Este lugar remoto, às margens do rio Moscou, foi mencionado pela primeira vez em crônicas históricas por volta de 1350, mas desde o século 13 que o príncipe Daniel de Moscou havia fundado um templo ali.

No século 17, esta área evoluiu para se tornar a residência dos bispos Sarsky e Podonsky, e assumiu especial importância entre os anos de 1664 e 1676. O pátio Krutitskoe ficava situada no cruzamento de várias rotas que ligavam Moscou a Kolomna e Riazan.

Photo credit: Elena LarionovaFoto: Elena Lariónova

Em tempos passados, Krutitskoe Podvorie era uma rua animada e movimentada. As igrejas viviam cheias de fiéis, carroças de um lado para outro, e o metropolita abençoando pela janela do palácio Krutitski as pessoas que se reuniam na praça.

Photo credit: Elena LarionovaFoto: Elena Lariónova

Krutitskoe Podvorie também enfrentou turbulências com a chegada das forças polonesas durante o Tempo das Perturbações, em 1612, e o incêndio a Moscou durante a guerra com Napoleão, em 1812. 

Photo credit: Elena LarionovaFoto: Elena Lariónova

Apesar dos períodos difíceis e da completa negligência durante a era soviética, Krutitskoe Podvorie preservou 80% de seus edifícios arquitetônicos e atualmente é usado como “Metochion” (igreja que funciona como embaixada eclesiástica) do Patriarcado de Moscou.

Photo credit: Elena LarionovaFoto: Elena Lariónova

Felizmente, porém, Krutitskoe Podvorie não perdeu sua aura antiga e há muitas atrações para quem é apaixonado por Moscou pré-revolução: as ruas são pavimentadas com paralelepípedos redondos e há inúmeros edifícios de madeira, construções de tijolos, fortificações e igrejas do século 17 .

Photo credit: Elena LarionovaFoto: Elena Lariónova

A maior vantagem turística é exatamente sua localização, por estar longe das principais atrações da capital, embora relativamente perto do centro. Não há linhas de ônibus nem de turismo para se chegar lá, de modo que aventureiros, fotógrafos e cineastas são normalmente os únicos que visitam o local.

Photo credit: Elena LarionovaFoto: Elena Lariónova

Duas igrejas funcionam atualmente no território de Krutitskoe Podvorie: o Templo da Ressurreição e a Dormição da Virgem Maria da Catedral da Assunção. E os turistas também podem comparecer nas missas públicas ali realizadas.

Photo credit: Elena LarionovaFoto: Elena Lariónova

As construções de Krutitskoe Podvorie foram restauradas entre 1950 e 1984, sob a direção do arquiteto Piotr Baranovsky, que investiu metade de sua vida a esta causa. Lá, Baranovsky também comemorou seu 75º, 80º e 85º aniversários.

Photo credit: Elena LarionovaFoto: Elena Lariónova

Hoje em dia, Krutitskoe Podvorie está rodeado pela Casa Internacional de Música de Moscou, por hotéis e outras grandes estruturas um tanto invasivas. Portanto, o melhor é tirar um tempo para caminhar por esse canto medieval de Moscou antes de ser dominado por edifícios modernos ou megamansões.

Photo credit: Elena LarionovaFoto: Elena Lariónova

Gostaria de receber as principais notícias sobre a Rússia no seu e-mail?   
Clique aqui para assinar nossa newsletter.

2 de julho de 2016
Tags: moscou, medieval

leia mais

+
Curta a "Gazeta Russa" no Facebook